dark

Retinopatia diabética: conheça a doença dos olhos causada pela diabetes

Retinopatia diabética: conheça a doença dos olhos causada pela diabetes
Retinopatia diabética: conheça a doença dos olhos causada pela diabetes
Imagem: reprodução/inter

O número de diabéticos no Brasil cresce ano após anos. Segundo última pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), divulgada no ano passado, o diagnóstico da doença cresceu 24% entre os brasileiros nos últimos 10 anos. A doença pode causar problemas na saúde dos olhos, como a retinopatia diabética, que pode acontecer quando a diabetes não é identificada ou tratada corretamente. De acordo com o oftalmologista Alexandre Ventura, do Instituto de Olhos Fernando Ventura, a retinopatia diabética é causada pelo desregulamento de açúcar no sangue.  

Segundo Alexandre, que também é vice-presidente da Sociedade Brasileira de Retina e Vítreo, todos os tipos de diabetes podem originar problemas sérios de visão. Em geral, elas começam como micro sangramentos nos olhos, detectados apenas por exames clínicos. Se não forem diagnosticadas no início, pode evoluir para a retinopatia diabética. O médico oftalmologista destaca que alguns dos sintomas são: visão embaçada, pequenos pontos negros ou linhas na visão, manchas escuras na visão, dificuldade para enxergar e para identificar cores.  

“O tratamento deve ser orientado por um oftalmologista e varia de acordo com a gravidade. No caso da retinopatia diabética não proliferativa, o médico pode optar por vigiar a evolução da situação, sem que seja feito qualquer tipo de tratamento específico. Já em casos de retinopatia diabética proliferativa, o oftalmologista fará uma cirurgia ou tratamento com laser para eliminar os novos vasos sanguíneos que estão se formando no olho ou para parar um sangramento”, explicou Alexandre Ventura. 

A não proliferativa é o estágio inicial da doença, que pode ser verificada a presença de pequenas lesões nos vasos sanguíneos do olho. Já a proliferativa é mais grave, quando há dano permanente nos vasos sanguíneos dos olhos e formação de vasos mais frágeis, que podem romper, piorando a visão ou causando cegueira. 

“A diabetes é uma causa frequente de cegueira porque o olho é o órgão mais vascularizado do corpo humano. A diabetes afeta os vasos, artérias e veias. Quem tem hiperglicemia, ou seja, glicose aumentada no sangue, vai estar ‘enferrujando’ essas veias e artérias de dentro pra fora. Se o diabético fizer um tratamento periódico, com consultas e exames de rotina, é possível tratar os problemas de visão e, em certos casos, até reverter a situação. Porém, em quadros avançados, há muito tempo sem tratamento, a recuperação da visão pode ser irreversível”, comentou Ventura.