Oposição vê como ‘tom de ameaça à democracia’ fala do general Heleno

Oposição vê como 'tom de ameaça à democracia' fala do general Heleno

A nota enviada pelo General Augusto Heleno sobre a não entrega do celular de Bolsonaro por determinação do STF, acabou gerando efeito colateral nas redes sociais.

A declaração do ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional foi destacada pela oposição como sendo uma ‘ameaça a democracia’. O general afirmou que apreende o celular de Bolsonaro durante inquérito seria uma ‘afronta à autoridade máxima do Poder Executivo’ e uma interferência inadmissível de outro poder.

O general disse que isso poderá TER CONSEQUÊNCIAS IMPREVISÍVEIS para a estabilidade nacional. O pedido de apreensão do celular de Bolsonaro é um pedido da oposição e que deve ser analisado pela PGR.