24 C
Recife

Wesley Safadão e mulher são indiciados por crimes que somados podem chegar até 13 anos de prisão

O Tribunal de justiça do Ceará (TJCE) recebeu inquérito contra o cantor Wesley Safadão e a esposa dele, Thyane Dantas, 30 anos. A esposa do artista teria furado fila para receber dose de vacina contra a COVID-19.

O fato foi registrado no dia 8 de julho, mas só nesta quarta-feira (29) a justiça do Ceará foi devidamente provocada. Tanto Weley Safadão, quanto a esposa, responderão por crime de peculato e infração de medida sanitária.

Somados, os crimes chegam a 13 anos de prisão. Outras pessoas envolvidas também estão seno indiciadas. Na época que a mulher de 30 anos foi vacinada, o calendário municipal estava bastante distante da faixa etária. 

Wesley Safadão teria se vacinado em um posto diferente de onde havia feito agendamento, havendo um ajuste prévio entre os envolvidos.

COMPARTILHE REPORTAGEM

LEIA TAMBÉM

BRL - Cotação do real em outras moedas
USD
5,11
EUR
5,22
CNY
0,76

Em destaque