24 C
Recife

Tarado do WhatsApp é denunciado em Gravatá

O perigo de participar de grupos de WhatsApp é que vez ou outra surgem pessoas sem boas intensões que querem participar de grupos unicamente para invadir o privado dos demais usuários. Algumas destas pessoas oferecem produtos, enviam links com vírus e até existem casos de crimes contra a honra, que envolve difamação e injúria.

Em Gravatá, agreste pernambucano, o administrador de um grupo de WhatsApp [de envio de notícias aberto e público] tornou público áudio e sequência de vídeos de uma usuária do grupo que teria recebido, ainda pela madrugada, chamada de vídeo de um homem que já estava se masturbando virtualmente.

banner prefeitura são joao

A mulher perguntou como ele teria conseguido seu número, momento que foi avisada de que o homem fazia parte do mesmo grupo de notícias que ela participava. O administrador do grupo tentou falar com o acusado, que teve imagem capturada no momento do ato obsceno. Não tendo êxito no envio de mensagens e chamadas, o administrador do grupo foi até o endereço do acusado, que até agora não foi localizado.



Os demais integrantes do grupo pedem que uma denúncia formal seja feita pela usuária do grupo que teve o sossego perturbado pelo envolvido, cuja identidade não foi revelada.

LEIA TAMBÉM

BRL - Cotação do real em outras moedas
USD
5,33
EUR
5,48
CNY
0,80

Em destaque