26 C
Recife

Presidente da Câmara de Gravatá fala novamente sobre cobrança de taxa esgoto aos gravataenses

O presidente da Câmara Municipal de Gravatá, Léo do AR (PSDB), voltou a criticar a cobrança de 100% na taxa de esgotamento sanitário cobrado pela Companhia Pernambucana de Saneamento – COMPESA – aos consumidores do município. Durante reunião nesta última terça-feira (24), Léo do AR pontuou a Agência Reguladora de Pernambuco (ARPE) respondeu ao ofício protocolado presencial pelos vereadores do G8.

Léo do AR pontuou que muita coisa não vai mudar se depender do governo do Estado e da COMPESA, pois o valor continuará sendo cobrado aos consumidores após determinado período.

O consumidor pagará 100% do valor de consumo de água potável pela mesma quantidade de água despejada nos esgotos administrados pela COMPESA. Léo do AR e outros sete vereadores estiveram em Recife para se reunir com presidente da ARPE, Severino Otávio.

Durante pronunciamento, Léo do AR disse que tanto o prefeito, como alguns vereadores e secretários são do PSDB, mesmo partido do governo do Estado. Para Léo, assim como os vereadores do G8, todos precisam se unir para cobrar o não pagamento da taxa de esgoto.  

COMPARTILHE REPORTAGEM

LEIA TAMBÉM

BRL - Cotação do real em outras moedas
USD
5,11
EUR
5,22
CNY
0,76

Em destaque