Prefeito de Gravatá solicitará ao governo flexibilização e abertura do comércio da cidade

O prefeito de Gravatá, Joaquim Neto (PSDB), esteve reunido no final da tarde desta segunda-feira (6) com representantes do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) para analisar o atual cenário do município diante a pandemia da COVID-19.

Segundo o prefeito, nesta terça-feira (7) o secretário de saúde da cidade, Luiz Ribamar, estará enviando um relatório detalhado das medidas tomadas pela cidade para controlar o avanço do novo coronavírus.

De acordo com Joaquim Neto, sua vontade é que Gravatá avance para nova de flexibilização de abertura gradual do comércio. O relatório da saúde será encaminhado ao procurador-geral do MPPE, que deverá intermediar solicitação de abertura do comércio.