Perigo: Guardas Civis de Gravatá desmontam armadilhas montadas para assaltos na zona rural

A Guarda Civil de Gravatá está realizando um excelente trabalho, salvando vidas e evitando tragédias quase que diariamente.

gm gravatpa

Tem se tornado cada vez mais comum a montagem de armadilhas em estradas de terra que cortam a zona rural de Gravatá, agreste pernambucano. Esporadicamente ocorrências de assaltos com este modo de operação serão relatados pela imprensa.

Durante a noite deste último sábado (14) efetivos da Guarda Civil Municipal evitaram que mais pessoas fossem vitimadas. Equipes da GM se deslocaram para trecho da rodovia PE-078, que liga Gravatá ao distrito de Avencas.

banner prefeitura são joao

No meio da rodagem, a Guarda Civil localizou e desmontou algumas armadilhas usadas pelos assaltantes. Se a Guarda Civil não estivesse equipada e preparada para este tipo de ocorrência, mais cidadãos teriam sido vitimados neste local.

A Guarda Civil de Gravatá está realizando um excelente trabalho, salvando vidas e evitando tragédias quase que diariamente.

Dependemos dessa publicidade para existir aguarde 10 segundos para ler a notícia
Publicidade obrigatória p/ não assinantes