Paulo Câmara assina decreto que exclui categorias do rodízio de veículo durante quarentena

O governador Paulo Câmara (PSB) assinou um decreto, hoje (14), que desobriga os trabalhadores de serviços essenciais de seguir o rodízio de veículos durante a quarentena, de 16/05 a 31/05. Todos deverão portar declaração do empregador para o caso de abordagem nos pontos de bloqueio.

A medida inclui funcionários de supermercados, padarias, farmácias, postos de gasolina, serviços de vigilância e zeladoria, de empresas de transporte público e metroviários. Líderes religiosos e suas equipes podem se deslocar a fim de gravar ou transmitir celebrações.

banner prefeitura

Profissionais de tomam conta de crianças nas casas de trabalhadores da saúde e da segurança também passaram a ser consideradas essenciais. O objetivo é assegurar que essas duas categorias possam continuar se dedicando a garantir a segurança e a salvar vidas durante a quarentena.

Deixe seu comentário:

Comentário:

Leia também:

- Advertisement -
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

Bloqueador de anúncios detectado!!!

Detectamos que você está usando extensões para bloquear anúncios. Por favor, ajude-nos desativando este bloqueador de anúncios.

Powered By
CHP Adblock Detector Plugin | Codehelppro