Parcelas de empréstimos dos aposentados e pensionistas são suspensas por 4 meses

A Justiça Federal DETERMINOU que sejam suspensas as cobranças de parcelas de empréstimos consignados de aposentados e pensionistas do INSS. A medida tem duração de quatro meses, sem que haja cobrança de juros e multas.

A tutela de urgência foi assinada pelo juiz do Distrito Federal, Dr. Renato Coelho Borelli. Segundo o magistrado, a medida é necessária para garantir que os idosos, castigados pelo coronavírus, possam arcar com despesas do tratamento médico.

Deixe seu comentário:

Comentário: