Mototaxista atropela gato de propósito e acaba detido pela Polícia Militar

Moradores pediram para que ele não cometesse o ato, mas acabou ignorando e deixando o gato em frangalhos.

Um homem que trabalha como mototaxista foi detido na noite desta última quinta-feira (13) após ser acusado de ter atropelado um gato próximo a feira de Santa Cruz do Capibaribe, agreste pernambucano.

Após ser localizado, o mototaxista foi colocado numa viatura da Polícia Militar e precisou ser levado para Delegacia de Polícia Civil local, onde foi ouvido pelas autoridades.

Segundo moradores da cidade, o atropelamento não teria sido acidental. O motoqueiro teria passado por cima do gato por vontade própria. Moradores pediram para que ele não cometesse o ato, mas acabou ignorando e deixando o gato em frangalhos.

Profissionais mototaxistas disseram que o caso foi isolado, e que o comportamento do motoqueiro não pode macular a imagem dos demais colegas de trabalho. O caso foi denunciado por uma ONG que cuida de animais de rua.