25 C
Recife

Moto utilizada em “racha” é autuada em mais de R$ 8 mil na BR 232, em Caruaru

Uma motocicleta utilizada para a prática de “rachas” foi autuada em R$8.215,91,
na madrugada de hoje (3), na BR 232, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. O condutor não foi identificado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), mas as multas serão enviadas ao proprietário do veículo.

Uma equipe da PRF realizava uma ronda no Km 128 da rodovia, quando avistou cinco motocicletas realizando “rachas” no local. Quando a viatura se aproximou, algumas se evadiram pela contramão e teve início o acompanhamento de um veículo por cerca de três quilômetros.

banner prefeitura são joao

Durante esse percurso, o condutor realizou diversas infrações, efetuou malabarismos e colocou em risco a segurança do trânsito, até se evadir pelo Parque 18 de Maio.

Os policiais emitiram autuações por disputar corrida, transitar pela contramão, forçar passagem entre veículos, transitar pelo acostamento, desobedecer às ordens emanadas dos agentes, dirigir ameaçando os demais veículos, deixar de reduzir a velocidade ao se aproximar de intersecção e conduzir motocicleta realizando malabarismo.

O caso será encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, para a adoção dos procedimentos legais.

Crime de trânsito

Quem participa de corrida, disputa ou competição automobilística não autorizada pela autoridade competente, gerando situação de risco, está sujeito a uma pena de detenção, de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir. Se da prática resultar morte, a pena privativa de liberdade poderá ser de cinco a dez anos de reclusão.

A PRF tem intensificado a fiscalização em conjunto com os órgãos de trânsito para coibir “rachas”, que colocam em risco a vida dos infratores e de todos que utilizam as rodovias federais no estado. Denúncias podem ser realizadas através do telefone de emergência 191.

LEIA TAMBÉM

BRL - Cotação do real em outras moedas
USD
5,43
EUR
5,54
CNY
0,81

Em destaque