dark

Modelo, enfermeira e rainha de carnaval é chamada de ‘macaca’ e pede justiça

Modelo, enfermeira e rainha de carnaval é chamada de 'macaca' e pede justiça
Modelo, enfermeira e rainha de carnaval é chamada de 'macaca' e pede justiça

 A rainha do Carnaval de Belo Horizonte, Laís Aparecida, 25 anos, procurou a polícia para relatar que teria sido agredida e sofrido ataque racistas em rede social.

Segundo informações da modelo e enfermeira, um homem lhe teria feito convite pelo WhatsApp, e ela se negou. O homem disse que ela era uma ‘macaca, arrogante e idiota”.

“Olha pra você, no máximo o que você serve é para poder saciar o fetiche de alguém”, disse o acusado em um dos áudios enviados para a vítima. Outras cinco mensagens de baixo calão foram anexadas ao boletim de ocorrência. O autor dos ataques racistas ainda não foi identificado.

O agressor é insistente já foi bloqueado pela modelo. O criminoso trocou de número e no novo contato agrediu a vítima.