Ministro foi na contramão de Bolsonaro pedindo pra o povo ficar em casa

Ministro foi na contramão de Bolsonaro pedindo pra o povo ficar em casa

Contrário ao presidente Bolsonaro, o ministro saúde, Henrique Mandetta foi novamente na contramão e defendeu o isolamento social. Nesta segunda-feira (30) o ministro pediu para que todos seguissem as recomendações dos estados.

O Ministro disse que tem conversado com secretário de saúde de diversas cidades do Brasil e defendeu o que é científico, técnico e planejado.

“Por enquanto mantenha as recomendações dos Estados, porque essa é, no momento, a medida mais recomendável, já que nós temos muitas fragilidades no sistema de saúde, que são típicas não de falta do Ministério da Saúde, ou do governo”, disse Mandetta.

Bolsonaro parece que não gostou nada da ideia de seu ministro ir em desencontro a ideia de liberar o comércio e acabar com a quarentena.