Fama e TV

Ministério Público denuncia repórter Gerson de Souza por importunação sexual

Ministério Público denuncia repórter Gerson de Souza por importunação sexual
Imagem: reprodução/inter

O Ministério Público de São Paulo (MPSP) denunciou o repórter da TV Record, Gerson de Souza (foto), pelo crime de importunação sexual, denunciada por 12 jornalistas da emissora onde o suspeito ainda trabalha.

Segundo informações, as jornalistas trabalhavam na editoria do programa Domingo Espetacular, um dos programas de maior audiência da emissora paulista. As vítimas procuraram o RH da emissora afirmando que teriam sido vítimas de assédio sexual por parte do repórter. Além de palavras maliciosas, o repórter teria mantido ‘toques físicos’ nas vítimas.

Gerson negou as acusações à polícia, mas a forma e o contexto em que tocava as vítimas demonstraram inequivocamente seu intensão em satisfazer a própria lascívia. O repórter continua afastado do trabalho, mas recebendo.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Desative seu bloqueador de anúncio