20.7 C
Gravatá

Gravatá: há 15 dias alunos de zona rural não vão para escola por falta de ônibus

A reportagem do Pernambuco Notícias recebeu nesta última quarta-feira (9) denúncia de um grupo de mães de alunos residentes no Sítio Candeeiro II, situado na zona rural de Gravatá, agreste pernambucano.

De acordo com informações repassadas pela autora da denúncia, há mais de 15 dias alunos da comunidade estariam sem irem para escolas pelo fato de não haver transporte escolar ativo.

banner prefeitura

A denunciante alegou que o problema já teria sido comunicado aos diretores e coordenadores das escolas onde os alunos são matriculados, mas a única informação que obtive foi de que o ônibus que contemplava os alunos do sítio estava quebrado e que a Secretaria de Educação não tinha outro veículo para repor.

A mãe disse que alguém teria tentado adaptar a rota de um ônibus escolar para embarcar alunos do Sítio Candeeiro II, mas apesar de os alunos terem acordado cedo e irem para às margens da rodovia, nenhum veículo havia passado no horário proposto.

Revoltadas, as mães dos alunos devem acionar formalmente o Ministério Público, através de sua promotoria em Gravatá. As mães dizem que os alunos já foram bastante prejudicados por causa da pandemia e que agora, mesmo com as aulas presenciais, eles estariam tendo o direito de ir à escola negligenciado.

Leia também:

- Advertisement -
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

Bloqueador de anúncios detectado!!!

Detectamos que você está usando extensões para bloquear anúncios. Por favor, ajude-nos desativando este bloqueador de anúncios.

Powered By
CHP Adblock Detector Plugin | Codehelppro