dark

GRAVATÁ: Comandante Vilar explica episódio envolvendo entregador e Guarda Municipal

GRAVATÁ: Comandante Vilar explica episódio envolvendo entregador e Guarda Municipal

A Rádio Clima FM entrevistou durante o programa FALANDO SÉRIO, apresentado por Clebson Amsterdan das 12 às 14 horas, o comandante da Guarda Municipal de Gravatá, GM Vilar. Ele falou sobre o episódio envolvendo um entregador e um Guarda Municipal, registrado em vídeo e amplamente divulgado nas redes sociais ao longo da tarde desta terça-feira (8).

Segundo informações do comandante, o entregador teria se deparado com uma rua interditada para realização de serviço de recapeamento asfáltico. O entregador foi avisado que não poderia seguir o trajeto porque o local estava fechado.

Na versão do GM, o entregador teria seguido trajeto e passado a insultar o Guarda Municipal, que foi até o local entender o que estava ocorrendo, foi quando percebeu que estaria sendo agredido ‘verbalmente’.

O Guarda tentou imobilizar o rapaz, mas ele teria reagido, e ambos entrando em vias de fato. Pessoas que estavam no local filmaram o momento que o Guarda Municipal, que não teve o nome revelado, tentou conter o entregador, quase caindo sobre placas que sinalizavam que o local era proibido para tráfego de motocicleta.

A mãe do rapaz ligou para a rádio contestando a versão do Comando da Guarda Municipal, pontuando que seu filho teria sido agredido pelo Guarda Municipal, injustamente. A mãe disse que providências foram tomadas, e que uma queixa foi registrada por abuso de autoridade. O pai do garoto também cobrará providências por parte da Secretaria Municipal de Defesa Social.

O Comandante da Guarda disse que um procedimento interno será aberto para apurar a conduta do Guarda Municipal, pois segundo Comandante Vilar, o guarda não teria seguido protocolos e não conduzido o caso para a DEPOL, tentando entrar em acordo verbal no local da ocorrência.