GASTRONOMIA: Curso de reaproveitamento de alimentos é iniciado no Centro Profissionalizante de Gravatá

Com o conhecimento adquirido, alunas economizarão com a total utilização dos insumos no seu dia a dia

Mais relacionadas

Gastronomia: Curso De Reaproveitamento De Alimentos É Iniciado No Centro Profissionalizante De Gravatá
Imagem: divulgação/reprodução

Ministrado pelo instrutor Ivan Vilar, o curso, ofertado pela Prefeitura de Gravatá, por meio da Secretaria de Assistência Social e Juventude, proporciona às alunas as noções básicas para utilizar partes dos alimentos que seriam descartadas, bem como o reaproveitamento de alimentos já preparados e utilizados em parte que seriam jogados no lixo.

Este curso irá atender 50 alunas divididas em duas turmas com, com carga horária total de 8h, entre os dias 18 e 19 de setembro, nos turnos da manhã e da tarde. A realização do curso acontece no Centro Profissionalizante de Gravatá, importante equipamento inaugurado em junho de 2023 para ampliar a oferta de cursos para a população.

Todas as alunas do curso de reaproveitamento de alimentos são referenciadas pelos CRAS do município, mães de crianças acompanhadas pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV, ou idosas acompanhadas pela Casa do Idoso.

O professor Ivan Vilar, que ministra o curso, fala sobre essa parceria com a gestão municipal de Gravatá. “Esse curso que se inicia hoje de reaproveitamento de alimentos é um curso que já venho desde o ano passado trazendo para a cidade, dessa vez com mais ênfase, vamos passar esses dias aqui trazendo algumas receitas novas. Mais de um milhão de insumos são jogados fora, alimentos como frutas e verduras e eu vou trazendo receitas para que não haja mais desperdícios, pois além do seu bolso, o meio ambiente agradece.”

A gerente de Segurança Alimentar, Gorete Silva, acrescenta que “Estamos iniciando cursos com a população. O intuito deste Centro Profissionalizante é levar conhecimento às pessoas, onde elas têm um aproveitamento melhor dos alimentos, vendo o valor nutricional de cada um e não desperdiçar, porque podemos usar o alimento todo, desde a casca até a polpa. Essa é uma preocupação da gestão: levar conhecimento para que as pessoas apliquem no seu dia a dia e se alimentem melhor, economizem e possam empreender com isso.”

Reportagem: Filipe Vasconcelos
Fotos: Nilson Silva (SECOM)

Outras notícias

Você também pode gostar

Nossa equipe está aqui para responder às suas perguntas. Pergunte-nos qualquer coisa!