Em Gravatá três pessoas são presas com drogas, armas e mais de R$ 11 mil reais

Uma jovem de 22 anos, e um homem de 38 anos, foram abordados pela ROCAM por volta das 16 horas deste último domingo na Rua Padre Joaquim Cavalcanti, conhecida como Rua do Centro, em Gravatá, agreste pernambucano.

Quando a ROCAM se aproximou do casal, Severino Sebastião de Melo, repassou seis pequenos sacos de cocaína, que foram escondidos na calcinha de Laís Cristiane Rebouças da Silva, que durante abordagem confessou ser do homem a droga escondida por ela.

Com Severino, a polícia apreendeu R$ 776 reais em cédulas trocadas, possivelmente fruto do tráfico de entorpecentes. Severino confirmou ser dele a droga e confessou ter mais material ilícito, inclusive uma arma de fogo numa casa localizada em Pombos (PE).

Militares da ROCAM, com apoio de viaturas da 5ª CIPM, montaram um cerco no imóvel apontado pelo acusado, e lá localizaram o terceiro envolvido, identificado como Cláudio José de Souza, 41 anos.

No interior do imóvel a polícia encontrou 227 gramas de cocaína, 31 pedras de crack, 1 revólver calibre 38 e R$ 10.755,35 (dez mil, setecentos e cinquenta e cinco reais e trinta e cinco centavos). O valor apreendido estava sendo guardado para compra de mais drogas. Todos os envolvidos foram levados para DEPOL, onde foram qualificados em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e associação para o tráfico.