Donos de escolas particulares querem retorno das aulas presenciais e pressionam governo

Profissionais da educação protestaram nesta manhã de quinta-feira (3) pelo retorno de aulas presenciais em unidade de ensono da educação básica. O protesto ocorreu em frente ao Palácio Campo das Princesas.

A aulas estão suspensas desde 18 de março. Um novo decreto estadual prorrogou a suspensão das aulas até o dia 15 de setembro, mas ainda há risco de o decreto ser prorrogado pelo Governador Paulo Câmara (PSB).

Donos de escolas particulares querem pressionar o governador por um cronograma que garanta a volta das aulas, seguindo os protocolos de segurança e combate a COVID-19, doença transmitida pelo novo coronavírus.

Deixe seu comentário:

Comentário: