27 C
Recife

Curso de recondicionamento de computadores qualifica egressos do sistema prisional

O descarte correto do lixo tem sido uma preocupação constante. Cada vez mais a produção de resíduos vem crescendo e a falta de uma destinação correta tem impactos diretos no meio ambiente. Com foco nessa pauta, está sendo oferecido para 15 egressos do sistema prisional, o Curso de Recondicionamento de Computadores, dado pela empresa REEECicle. A ação é uma parceria entre o Patronato Penitenciário e o Instituto Recomeçar.

O curso, que tem duração de dez dias, aborda políticas ambientais, os impactos dos resíduos na natureza, eletricidade básica, conceitos de recondicionamento, empreendedorismo e modelo de negócios. “Cursos que visam novas oportunidades de trabalho são de extrema importância para o nosso público”, explica o secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico. Para Savio França, diretor da REEECicle, o curso promove muito mais que conhecimento teórico. “Trazemos empoderamento para essas pessoas e a esperança de novas oportunidades”, explica.

Para que os participantes possam se deslocar até o curso, que está acontecendo na sede do Patronato, no Recife, o Instituto Recomeçar conseguiu Cartão Vem, com passagens de ida e volta. “Mais uma forma de ajudá-los a não perder essa oportunidade”, pontua Cicero Alves, multiplicador do Instituto Recomeçar no Nordeste.

COMPARTILHE REPORTAGEM

LEIA TAMBÉM

BRL - Cotação do real em outras moedas
USD
5,11
EUR
5,22
CNY
0,76

Em destaque