Política

Condenado e rejeitado em Chã Grande, Daniel Alves se lança pré-candidato em Gravatá

O ex-prefeito de Chã Grande, Daniel Alves de Lima, (foto), gravou recentemente vídeo onde aparecer se colocando à disposição da população de Gravatá, agreste pernambucano, como pré-candidato a prefeito.

Daniel Alves tem baixa popularidade em Chã Grande, e mesmo tendo todas as prerrogativas de disputar eleição na cidade que já administrou, decidiu transferir sua residência eleitoral para Gravatá, distante 18 km.

Com a saída de Daniel da disputa em Chã Grande, o atual prefeito Diogo Alexandre (PR) está folgado em sua disputa de reeleição, passando por cima de todos com um rolo compressor político.

O ex-prefeito de Chã Grande foi alvo de inúmeras de denúncias no Ministério Público, Tribunal de Contas e durante anos ficou sem reajustar salário de funcionários e professores.

Recentemente o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) condenou Daniel Alves a perder seus direitos políticos por 3 anos, além de pagar multa e ficar longe de contratações públicas.

REPERCUSSÃO NEGATIVA:

Desde que a reportagem foi lançada no PERNAMBUCONOTICIAS.COM vários internautas responderam negativamente a decisão de Daniel ser candidato em Gravatá: “É simplesmente ridículo. Patético! É humilhante pra Gravatá. Até parece que aqui não tem gente rapaz de administrar a cidade“, disse o advogado Jhon Lenon.

Essa candidatura vai virar piada. Ele deve ser candidato a vereador“, disse o economista e cientista político Joeides Pereira.

Clebson Amsterdan

Clebson Amsterdan é jornalista em com atuação há 19 anos na comunicação social. Iniciou sua carreira no rádio no ano 2000 e desde então tem dedicado toda sua vida ao jornalismo. Diretor presidente do Grupo Amsterdan Publicidade S/A com atuação em 184 cidades de Pernambuco.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Desative seu bloqueador de anúncio