COMPESA dá início a execução das obras de implantação do Sistema Arataca II

Como anunciado esse mês pelo governador Paulo Câmara dentre as ações do Plano Retomada, a Compesa deu início às obras de implantação do Sistema Adutor Arataca II, investimento que vai ampliar a oferta de água para 750 mil pessoas nas cidades de Olinda, Paulista, Igarassu e Abreu e Lima. O projeto prevê a implantação de uma segunda captação de água no Rio Arataca, em Goiana, que será integrada ao Sistema Produtor de Botafogo, iniciativa que permitirá um incremento de 500 litros de água por segundo à atual capacidade de produção do sistema. 

“A vazão atual do sistema é 1,3 mil litros de água por segundo e a ampliação dessa capacidade será determinante para reduzirmos substancialmente o rodízio nessas quatro cidades”, afirma a presidente da Compesa, Manuela Marinho. Ela destaca a relevância do projeto. “A segunda captação foi planejada para dar suporte operacional ao Sistema Botafogo, cuja barragem vem sofrendo, ao longo dos anos, com a diminuição da sua capacidade total de armazenamento, consequência da ausência de chuvas na região”, complementa.

banner prefeitura são joao

O investimento no Sistema Arataca II é da ordem de R$ 120 milhões e contempla o assentamento de 25 quilômetros de tubulações, que vão do município de Goiana, nas margens da BR 101, até a Estação Elevatória de Água Bruta de Botafogo, próxima à barragem em Igarassu. O projeto ainda prevê a implantação da própria captação no Rio Arataca, com estação elevatória, além de dispositivos de monitoramento do abastecimento ao longo da adutora. As intervenções têm um cronograma arrojado para os próximos meses.

“Os trabalhos estão concentrados, nesse início, na implantação da adutora nas proximidades da estação elevatória de Botafogo, uma etapa complexa da obra. Temos a estimativa de nove meses de serviços, a partir desse mês de setembro. A expectativa é que a obra transcorra conforme o cronograma, tendo em vista que estamos com uma equipe robusta empenhada em dar celeridade aos trabalhos”, pontua Manuela.

POÇOS – O Sistema Adutor Arataca II é essencial para a melhoria do abastecimento de água para as cidades de Olinda, Paulista, Igarassu e Abreu e Lima, mas igualmente importante é a exploração de águas subterrâneas para o atendimento dessas quatros cidades. Até junho de 2022, a Compesa promoverá a reativação de 15 poços existentes e a perfuração de 23 novos poços, que, além dos municípios citados, também beneficiarão o município do Recife. Tais intervenções trarão um incremento de cerca de 680 litros/segundo, beneficiando mais de 570 mil pessoas, com um investimento total estimado em R$ 39 milhões.

Dependemos dessa publicidade para existir aguarde 10 segundos para ler a notícia
Publicidade obrigatória p/ não assinantes