dark

CELPE reforça orientações para combate ao furto de energia

CELPE reforça orientações para combate ao furto de energia

Quem faz ligações clandestinas ou, como são chamados popularmente os “gatos”, corre o risco de sofrer acidentes graves, muitas vezes fatais, pois realiza uma atividade com manipulação de circuitos energizados. Há também o risco de causar um curto-circuito que atinja a rede, podendo provocar o desligamento e a queima de equipamentos e eletrodomésticos da residência e da vizinhança. Além de todos esses fatores, o ato é crime, previsto no Código Penal.

Abaixo, algumas orientações que a Celpe reforça com os seus clientes para ajudar no combate às ligações clandestinas:
• Na tentativa de furtar, pessoas podem sofrer acidentes graves, que muitas vezes podem ser fatais;
• Essa atitude sobrecarrega a rede elétrica, o que pode deixar muitas casas sem energia;

• Estes atos ilegais têm penalidade prevista no Código Penal, por isso, quem pratica pode ter o fornecimento de energia suspenso, pagar multa e até ser preso;
• Esse tipo de ligação clandestina pode causar danos à rede elétrica, queima de aparelhos eletroeletrônicos na vizinhança e até incêndios.

Como denunciar
Para reduzir os riscos e o furto de energia, a Celpe mantem um programa constante de inspeções. A empresa tem canais de denúncia para casos de fraudes e furtos, por meio dos quais é possível passar as informações anonimamente, como o 116 ou pelo site: www.celpe.com.br.