28 C
Recife

Câmara de Gravatá tira de pauta Projeto de Lei que reajusta piso salarial dos professores; entenda o motivo

Projeto deverá ser corrigido antes de ser votado na Câmara Municipal

img 3622
Professores acompanharam reunião / Clebson Amsterdan

Por motivos justificáveis, o presidente da Câmara de Gravatá, Léo do AR (PSDB), tirou de pauta do Projeto de Lei que concederá reajuste 33,24% no piso salarial dos professores da rede municipal.

Segundo o chefe do Poder Legislativo, o projeto apresentou alguns vícios de redação e ausência de anexos triviais para que ele fosse submetido à votação. Nos bastidores da câmara foi possível observar a presença da secretária de educação, Ninha Professora, e de representantes do SINPROG e do Fórum da Educação.

banner prefeitura são joao

Notadamente, alguns professores foram contra ao adiamento do projeto, pois temerem o perigo de demora. Léo do Ar explicou que o projeto garante o pagamento retroativo, mediante a sua aprovação.

Agora, vereadores, prefeito e servidores da educação devem se reunir, debater e colocar a redação corrigida para apreciação do parlamento municipal.

LEIA TAMBÉM

BRL - Cotação do real em outras moedas
USD
5,33
EUR
5,48
CNY
0,80

Em destaque