Brasil destinará aviões à China para trazer 240 milhões de máscaras

Brasil destinará aviões à China para trazer 240 milhões de máscaras

O Brasil enviará 20 aviões para a China com o objetivo de importar 240 milhões de máscaras. A informação foi confirmada pelo Secretário-Executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo.

Assim, o Brasil evitará que os produtos tenham problemas de retenção como ocorreu em alguns países que tiveram suas mercadorias bloqueadas pelo governo Americano.

O Brasil também vai tentar adquirir na China, novos respiradores e testes de COVID-19. Mais de 22, 9 milhões de testes não tem data para entrega.