Artistas se mobilizam em campanha para ajudar doentes de fígado

A Associação Pernambucana de Apoio aos Doentes de Fígado (APAF), em Santo Amaro, área central do Recife, lançou a campanha “Seja um amigo da APAF e não deixe a APAF fechar.” O objetivo é arrecadar dinheiro para ajudar na manutenção do espaço que oferece dormitório, alimentação e toda estrutura de uma residência. A entidade que atende há 18 anos, doentes de fígado, que em sua maioria são naturais de outros estados do Brasil, tem um custo mensal de R$40 mil reais.

Nas redes sociais, artistas como Cristina Amaral, Almir Rouche, Petrúcio Amorim, Ed Carlos, Palas Pnho, Fabi Moreno, Junior Savini e Nathalia Rosa, estão mobilizando fãs e seguidores a participarem da campanha solidária da APAF. 

banner prefeitura são joao

Segundo o presidente da entidade, o hepatologista Cláudio Lacerda, que também chefia a equipe do UTF, a mobilização é necessária, pois os donativos que chegam não são suficientes. “A abrangência de atendimentos da APAF é intensa. A entidade proporciona acolhimento e suporte aos que aguardam em fila para transplante, aos que estão em tratamento e aos transplantados”, detalha ao revelar que a maior parte dos pacientes tem dificuldade financeira.

Sem fins lucrativos, o trabalho da instituição é pautado no compromisso de cuidar, oferecer suporte socioassistencial e a assistência em saúde de pacientes carentes da Unidade de Transplante de Fígado (UTF), que necessitam de tratamento e acolhimento por problemas hepáticos crônicos. Ligado ao Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), o UFT é considerado como um dos maiores programas de transplante de fígado do mundo.

COMO AJUDAR A APAF?

As doações em dinheiro para a entidade podem ser feitas através das contas abaixo:

ASSOCIAÇÃO PERNAMBUCANA DE APOIO AOS DOENTES DE FÍGADO – APAF

CNPJ: 04.833.011/0001-03

Banco Santander –  Agência: 4020, Conta Corrente: 13000011-8

Banco do Brasil –  Agência: 3243-3, Conta Corrente: 10108-7

Chave Pix: 04.833.011/0001-03 

Dependemos dessa publicidade para existir aguarde 10 segundos para ler a notícia
Publicidade obrigatória p/ não assinantes