5 vantagens de lojas virtuais e físicas

Os ventos sopram favoráveis para quem deseja abrir o próprio negócio, seja aprendendo como abrir uma loja virtual ou física para empreender, pois empreender está em alta.

Mas, e a crise? Até onde sei, todas as crises econômicas que o país já viveu, passaram. É como um ciclo e com essa não vai ser diferente. Por isso, para quem quer sair na frente, o momento de entrar no mercado é agora.

Não é da noite para o dia que você vai se tornar um empreendedor de sucesso. Bem, talvez até aconteça, mas não conte com a sorte. Para abrir o seu negócio e ser bem-sucedido é preciso planejar bem. Ter um plano de negócios que contemple todos os aspectos importantes, como concorrentes, fornecedores, logística, financeiro, clientes… afinal, o grande erro dos empreendedores é iniciar um negócio sem planejamento nenhum.

Para que você não incorra nesse erro, trouxemos hoje uma lista comparativa entre dois modelos de negócio: lojas virtuais e lojas físicas. Provavelmente, já passou pela sua cabeça investir em um ou outro modelo. Ao final dessa página, você vai estar bem mais informado sobre qual escolher.

Aviso de spoiler: se você pensar direitinho, talvez nem precise escolher entre as duas opções. Leia até o final para descobrir. E vamos às vantagens!

Loja virtual ou e-commerce

Escolher algum produto, abrir uma loja online e vender muito pela internet pode ser a primeira ideia da maioria dos jovens empreendedores. E essa ideia tem o histórico de ter feito os maiores bilionários do mundo. Afinal, o homem mais rico da atualidade, Jeff Bezos, da Amazon, começou na garagem de casa um e-commerce de livros.

Em um mercado onde há espaço para todos, o principal é conseguir se destacar dos demais. Veja as vantagens de abrir uma loja virtual:

1) Baixo custo

Se formos comparar com uma loja física ou até mesmo com outros tipos de empresas, uma loja virtual tem custos baixíssimos. Tanto na hora de iniciar o negócio, quanto custos operacionais ao longo do tempo, são muito reduzidos.

Por exemplo, mesmo que você decida contratar um programador expert para fazer o site, contrate domínio próprio e um excelente designer, o valor investido na sua loja virtual não chega nem perto do custo de alguns aluguéis de loja.

Quer fazer um teste? Compare o preço de um aluguel de loja em sua cidade, em um local com um fluxo bacana de clientes. Agora, pesquise na internet quanto custa ter um site. Não tem nem comparação, não é mesmo?

Fora que algumas plataformas oferecem soluções completas em lojas virtuais,, como é o caso da Shopify. Nessas plataformas você não precisa sequer ter um site, você consegue montar tudo na hora e pode vender até pelas redes sociais.

Como você não precisa de um espaço físico, contratar funcionários para vender os produtos e nem ter despesas com a infraestrutura do negócio, sobra para você investir no que precisar.

2) Rapidez na implantação

Ter uma loja virtual é muito mais rápido do que qualquer negócio físico que você vá abrir. Com algum conhecimento, em minutos você consegue colocar uma loja virtual no ar, usando plataformas. Mesmo no caso de você optar por registrar o seu domínio (o nome da sua empresa na internet), o processo é bem rápido, leva de 24 a 72 horas, no máximo.

Já no caso de um negócio físico, somando as idas e vindas com escolha do local, contratação de funcionários, compra de estoque, podem te levar mais de um mês. Fora a burocracia com alvarás e licenças, até assuntos práticos como reformas, limpeza e dedetização, acredite: esses detalhes vão te tomar dias. Palavra de empreendedor.

E para quem está ansioso para faturar logo com o seu empreendimento, dias e mais dias parado sem lucrar nada, não é uma boa ideia. Tudo isso deve ser somado ao seu investimento inicial, para que o orçamento não saia do controle.

3) Horário de funcionamento integral

Em uma loja física, o horário de trabalho é limitado por fatores internos e externos (como horário de funcionamento de shoppings e galerias, horário usual do comércio local, horários de maior fluxo de clientes).

Dentre os fatores internos (do seu negócio) que podemos destacar, estão (turno de funcionários, limitações financeiras para pagar horas extras, capacidade de atendimento dos funcionários, etc).

Em uma loja virtual, nada disso limita o seu funcionamento. Ela permanece aberta 24 horas por dia, durante os sete dias da semana. E melhor, sem cobrar adicionais por isso!

4) Menor necessidade de mão de obra

Alguns afirmam, sem saber o que é e-commerce, que ele não precisa funcionários. Nem sempre… Depende muito do tamanho e da complexidade da sua loja virtual. No início, é bem possível que você consiga trabalhar sozinho, até mesmo de sua própria casa. Mas com o crescimento da demanda, chegará o ponto de precisar ter funcionários também. Afinal, são alguns processos diferentes e que demandam atenção, como logística interna, pagamentos e recebimentos, controle de estoque. Com o aumento do número de pedidos, você pode não conseguir fazer tudo sozinho.

Mas, mesmo com contratações, uma loja virtual pode ser estabelecida de maneira otimizada. Não há a necessidade de vendedores e nem de supervisores de vendas, por exemplo. Isso reduz e muito o seu quadro de funcionários, sendo mantido o mais enxuto possível.

5) Facilidade para chegar até o cliente

Enquanto uma loja física precisa de grandes esforços para ser “descoberta” pelo cliente, uma loja virtual tem novos caminhos para “ir até o cliente”.

Com estratégias de marketing digital, o cliente simplesmente tem acesso à oferta e conhece a loja, ao procurar por um produto. Ele não precisa se deslocar de casa até o local, gastar combustível, estacionar (em algumas cidades, esse é um verdadeiro problema…) e procurar até encontrar. Na loja virtual ele praticamente é encontrado pela sua oferta. É muito mais prático.

Loja física

Ter uma loja virtual tem muitas vantagens, mas uma loja física também tem seu glamour. Como convivemos há muito mais tempo com lojas físicas, não é preciso explicar os benefícios de uma loja. No entanto, há comodidades que só lojas físicas permitem. Por exemplo:

  • a delícia de se apaixonar por algo na vitrine e poder comprar e levar na hora, com os olhos ainda brilhando;
  • a comodidade de experimentar ou ter uma prova do produto – para roupas, sapatos isso é importante, para perfumes, fundamental;
  • não ter que pagar frete e nem esperar o produto chegar em casa;
  • sensação de segurança no hora de passar o cartão, sem medo de ter seus dados roubados por algum vírus maldoso;
  • a interação com o vendedor, a atenção recebia e até aquelas dicas especiais que os consultores nos dão quando estamos em dúvida.

Nesses aspectos as lojas físicas superam as lojas virtuais, não há dúvidas.

Dica de ouro para montar sua loja virtual ou física

Aqui falamos das vantagens e desvantagens de uma loja virtual. Somos mais acostumados com loja física, por isso apenas lembramos as vantagens de uma loja física.

Embora façamos comparações para ajudar no seu planejamento, não se trata de uma competição, nem pretendemos definir qual o melhor canal e vendas.

Cada negócio tem peculiaridades que o fará ter melhores resultados em um, outro, ou em ambos. Existe inclusive uma estratégia chamada omnichannel em que se pode fazer a integração das vendas pelos diversos canais que seu negócio oferece.

Em resumo, foque em atender bem e encantar o seu ciente bem e ele voltar sempre, seja qual for o canal.

Essa é a nossa dica de ouro: faça seu cliente feliz e ele vai comprar de você onde estiver.